Prefácio – Duologia Brasil 2408

Há quem considere o prefácio uma fala do autor sobre a sua obra, sim, não está errado, mas eu prefiro considerá-lo como uma conversa que não pode esperar o revisor de texto, mas não se preocupem, o livro está na revisão, mas se me lembro bem de um trecho de uma certa música, de uma certa banda de rock que amei muito.

Eu canto em português errado/ Acho que o imperfeito não participa do passado/ Troco as pessoas/ Troco os pronomes
Continue Reading